Na pior? Marca pessoal de Harry e Meghan Markle vale R$ 1,8 bilhão

·2 minuto de leitura
Príncipe Harry e Meghan Markle usam a marca 'Sussex' (foto: Getty Images)
Príncipe Harry e Meghan Markle usam a marca 'Sussex' (foto: Getty Images)

Resumo da Notícia:

  • Príncipe Harry e Meghan Markle se desligaram da realeza há cerca de dois anos

  • O casal se mudou para os Estados Unidos e contrói um império no país

  • Os ex-duques já assinaram contratos com Neflix, Apple, Spotify e outras grandes empresas 

Eles saíram da realeza, mas não para ficar por baixo e sabem disso. O príncipe Harry e Meghan Markle estão construindo seu império e já são apontados como os donos da marca pessoal com maior valor agregado do mundo pelo jornal inglês “The Sun”.

O casal, que é ex-duque e ex-duquesa de Sussex, adotou o nome da região da Inglaterra para ser sua ‘assinatura’ no mercado e a marca já vale cerca de R$ 1,8 bilhão. Atualmente eles estão dedicados a criar a caçula, Lilibeth Diana, que nasceu há cerca de três meses.

Leia mais:

O valor agregado ao casal se deve por suas recentes parcerias milionárias com a Netflix, Spotfy e Apple para desenvolver diferentes projetos voltados ao bem-estar e saúde mental. Aliás, este é o carro chefe dos empreendimentos que eles querem fomentar na vida civil.

Uma recente sociedade deles com a empresa Ethic, que viabiliza investimentos em sustentabilidade, pode render às contas do casal nada menos que R$ 2,7 milhões.

"Eles estão realmente aproveitando ao máximo seu novo status, e seu potencial para se tornar a marca pessoal mais rica do mundo parece iminentemente alcançável. Tornar-se uma marca de US$ 1 bilhão (R$ 5,5 bilhões) certamente não está fora de questão", prevê Andrew Bloch, especialista em branding e fundador da Frank PR, que fez a estimativa à publicação inglesa.

Só da gigante do streaming, a Netflix, eles receberam cerca de R$ 900 milhões para produzir documentários, uma série sobre a natureza e outra voltada para o público infantil. Além de Lilibeth, eles são pais de Archie Harrison, de dois anos. Ambos não têm título de nobreza por serem bisnetos da rainha Elizabeth II.

Após a ascensão ao trono do príncipe Charles, ou do príncipe William, eles e todos os herdeiros diretos terão direito aos títulos de ‘príncipe’ ou ‘princesa’. Isso é o que diz a lei que fala sobre o tema na realeza.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos