Prisco Bezerra é o terceiro senador a contrair coronavírus

Bruno Góes

BRASÍLIA - O senador Prisco Bezerra (PDT-CE) anunciou nesta quinta-feira, me nota, que seu teste para o coronavírus teve resultado positivo. Ele é o terceiro senador a contrair a doença.

"Após apresentar sintomas semelhantes a um quadro gripal, como tosse e febre, o senador Prisco Bezerra (PDT-CE) realizou o exame para detecção do coronavírus e testou positivo. O senador passa bem e, por medida de precaução, antes mesmo de conhecer o resultado, já estava isolado, em quarentena, trabalhando em regime de home office", registra a nota.

Ele disse ainda que participará nesta sexta-feira da primeira sessão remota do Senado, na qual que será votada, por meio de aplicativo, a decretação de estado de calamidade pública no Brasil.

O senador Nelsinho Trad (PSD-MS), também infectado e integrante da comitiva de Jair Bolsonaro que esteve nos Estados Unidos, está internado no hospital Sírio-Libanês de Brasília. De acordo com a sua assessoria, o estado dele é estável e ele não está na UTI.

Já o presidente da Casa, Davi Alcolumbre, também diagnosticado com a doença, passou a noite de quarta-feira no mesmo hospital para fazer uma tomografia, mas recebeu alta na manhã desta quinta-feira.