'Pro governo não tem impacto nenhum', diz Mourão sobre prisão de Crivella

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

BRASÍLIA — O vice-presidente Hamilton Mourão declarou nesta terça-feira que a prisão do prefeito do Rio, Marcelo Crivella, aliado do presidente Jair Bolsonaro, não tem nenhum impacto no governo federal.

— Isso aí é questão policial, segue o baile aí, investigação, cabou. Pro governo não tem impacto nenhum, pô. Não tem nada tem a ver com a gente. Sem impacto, zero impacto — comentou.

Leia também

Ao ser lembrado de que o presidente Bolsonaro apoiou a candidatura de Crivella à reeleição no Rio, nas eleições municipais realizadas no mês passado, Mourão desconversou:

— Isso aí, pô, a gente apoia tanta candidatura aí, pô. Não tem nada a ver.

As declarações foram feitas pela manhã, na chegada do vice-presidente ao seu gabinete no Palácio do Planalto.

Bolsonaro está desde sábado em Santa Catarina, onde está pescando e descansando. Até o momento, ele não se manifestou sobre a prisão do aliado.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos