Processos seletivos com muitos testes desmotivam bons candidatos, diz pesquisa

·1 minuto de leitura
Serious man looking at laptop and taking notes in notebook, portrait.
Pelo menos 20% dos candidatos que decidem participar dessas etapas são descartados por falta de informações (Getty Image)
  • Ao menos 30% dos candidatos desistem de vagas com muitas etapas

  • Testes virtuais em excesso cansam os profissionais que buscam por um emprego

  • 60% dos que realizam as provas são descartados por reprovação ou desistência

O candidato encontra a vaga perfeita. Olha a descrição, percebe que atende aos requisitos e decide participar da seleção. Primeiro tem que preencher novamente todas as informações, mesmo que elas já estejam devidamente organizadas em um currículo. Depois vem o teste de inglês. E o de lógica. Talvez tenha responder perguntas pessoais. Ou fazer um mapa de personalidade. No meio meio do processo, desiste. Não vale a pena perder tanto tempo preenchendo formulários.

Leia também:

Pelo menos 30% dos candidatos aptos para as vagas de emprego desistem antes mesmo de realizar as provas. Conforme dados do levantamento realizado pela Ravelo, a pedido de Estadão, excesso de provas e testes afastam as pessoas interessadas nas vagas. Além disso, 20% dos candidatos que decidem participar dessas etapas são descartados por falta de informações.

Dos que decidem realizar os testes, 60% não conseguem ir para a próxima etapa. Reprovação ou desistência são as principais barreiras entre o profissional e a vaga dos sonhos. Como os profissionais realizam vários processos seletivos ao mesmo tempo, excesso de etapas tornam a busca por um emprego frustrante e cansativa.

Para realizar a pesquisa, foram analisados os dados de 45 mil buscas na plataforma da Revelo realizadas por recrutadores de diferentes empresas entre os anos de 2019 e 2021.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos