Processos de servidores da Educação e da Saúde passam a ser digitalizados

Desde o começo desta semana, documentos e requerimentos de servidores da Prefeitura do Rio que atuem em Coordenadorias Regionais de Educação (CREs), Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) e hospitais municipais podem ser feitos de forma digital. Os procedimentos são feitos através do processo.rio.

Antes da ferramenta, os processos dessas áreas, que envolvem principalmente as áreas de Educação e Saúde, eram feitos com custos de impressão, transporte e armazenamento, que agora saem do cálculo, ao serem protocolados pela via digital. Agora, vai diretamente para o setor responsável.

A tramitação do protocolo pode ser acompanhada pelos servidores da prefeitura através do próprio processo.rio.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos