Procuradora é agredida a socos e chutes por colega de trabalho em SP

SP: Procuradora é agredida a socos por colega de trabalho (Foto: Reprodução))
SP: Procuradora é agredida a socos por colega de trabalho (Foto: Reprodução))

Gabriela Samadello Monteiro de Barros, de 39 anos, procuradora-geral do município de Registro, no interior de São Paulo, foi agredida pelo também procurador Demétrius Oliveira Macedo, de 34 anos, dentro da própria prefeitura, onde trabalham.

A violência foi registrada por outra funcionária e o vídeo, que circula nas redes sociais, mostra o homem dando chutes e socos contra a colega de trabalho, que ficou com o rosto ensanguentado.

Segundo informações do portal g1, a agressão teria sido motivada pela abertura de um processo administrativo contra o homem por conta de sua postura no ambiente de trabalho.

Um boletim de ocorrência sobre o caso foi registrado no 1º Distrito Policial do município.

Ainda de acordo com o portal g1, consta no BO que Demétrius agrediu primeiro com uma cotovelada na cabeça de Gabriela e continuou com socos no rosto.

No vídeo, é possível ver Gabriela recebendo ajuda de uma funcionária, que foi empurrada contra a porta e bateu as costas na maçaneta.

Gabriela conseguiu ser retirada da frente do agressor e, informou o portal g1, dois outros profissionais do setor jurídico, assim que ouviram os gritos, se dirigiram ao local e contiveram procurador.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos