Procuradora-geral venezuelana critica decisão do TSJ

A procuradora-geral da Venezuela, Luisa Ortega, denunciou inesperadamente nesta sexta-feira uma "ruptura da ordem constitucional" em seu país, depois da decisão do Tribunal Supremo de Justiça de assumir as funções do Parlamento e retirar a imunidade dos deputados.