Produtora de games e commerce Sea, de Cingapura, capta US$6 bi de investidores

·1 minuto de leitura
Anúncio da Shopee na entrada do escritório da empresa em Cingapura

Por Scott Murdoch

(Reuters) - A empresa de games e e-commerce Sea, de Cingapura, levantou cerca de 6 bilhões de dólares em venda de ações e títulos conversíveis na maior captação de fundos já vista no Sudeste Asiático.

A empresa vendeu 11 milhões de recibos de depósito de ações nos EUA (ADR) e 2,5 bilhões de dólares em títulos conversíveis.

A Sea opera o popular site de e-commerce Shopee, que se expandiu pela Ásia e pela América Latina. A empresa também avança pela Europa após abrir operações na Polônia.

"Dado o nível elevado de interesse do investidor em ações de tecnologia e com as taxas de juro tão baixas, é sempre uma boa reforçar as finanças", afirmou uma fonte a par da transação.

As ações da Sea tiveram um salto de quase cinco vezes ano passado, em meio a forte demanda por seus serviços diante das restrições da pandemia que mantiveram as pessoas em casa.

Para o trimestre terminado em junho, os ganhos ajustados da Sea, antes de impostos, depreciação e amortização no negócio de entretenimento digital cresceram para 741 milhões de dólares, um salto de 71% na comparação ano a ano.

Foi a segunda captação da empresa em menos de um ano após ter levantado 2,6 bilhões de dólares em dezembro.

A Sea afirmou que planeja usar o dinheiro para investimentos estratégicos e potenciais aquisições.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos