Professora é presa por oferecer bala de maconha aos alunos nos EUA

·1 min de leitura
Victoria Farish Weiss dava aulas no Ensino Fundamental. Foto: Reprodução
Victoria Farish Weiss dava aulas no Ensino Fundamental. Foto: Reprodução
  • Um dos alunos pegou os doces batizados por engano

  • Educadora costumava recompensar alunos com doces comuns

  • Ela se entregou após mandado de prisão

Uma professora do ensino fundamental que ofereceu uma caixa de balas de maconha a seus alunos como recompensa por bom comportamento foi presa em Lexington, na Carolina do Sul, nos Estados Unidos.

Victoria Farish Weiss, de 27 anos, recebeu um mandado de prisão e se entregou na última sexta-feira (15) à polícia. O caso, que estava sendo investigado pela polícia, ocorreu no dia 23 de setembro na Escola Primária Rocky Creek.

O xerife Jay Koon afirmou, em entrevista ao portal norte-americano ABC News, que a professora confundiu sem querer as balas com cannabis com doces comuns. A educadora estava acostumada a dar doces às crianças quando se comportavam bem ou tiravam notas altas. Nenhum aluno comeu as balas com maconha.

"Os detetives confirmaram durante as entrevistas que um aluno pegou um pacote de comestíveis ilegais, mas que Weiss pediu para ele trocar por outro", informou o xerife.

Agentes foram à casa de Weiss no dia seguinte a uma denúncia anônima. No local, encontraram pacotes de bala com maconha, do mesmo tipo que estava na sala de aula.

"Comestíveis de maconha são produtos alimentícios à base de cannabis. Eles vêm em várias formas, mas os itens neste caso eram doces", explicou Koon ao ABC News.

A escola divulgou uma nota informando que "a segurança dos alunos é a maior prioridade", e que a professora foi demitida.

Weiss está detida por posse de droga no Centro de Detenção do Condado de Lexington.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos