Projetos sociais arrecadam doações para distribuir cestas básicas na Páscoa

·2 minuto de leitura

RIO — Nesta Páscoa, projetos sociais da Zona Sul vão botar os chocolates em segundo plano. Do Catete à Rocinha, o foco será na arrecadação de alimentos para a distribuição de cestas básicas para moradores e instituições da região.

No Catete, o projeto idealizado pela pedagoga e moradora do bairro Michelle Holanda existe há mais de 20 anos. Desde o início da pandemia, ela diz que o Correntes do Bem — Uns pelos Outros já distribuiu mais de 1.700 cestas. Para a Páscoa, a meta é entregar cem.

— O projeto tem um carrinho na Rua do Catete, de frente para a Leader, para as doações físicas, mas também aceitamos depósito. Devido à pandemia, a preferência é por alimentos, mas aceitamos chocolates — explica.

Na Rocinha, duas iniciativas fortalecerão as doações: o projeto Rocinha Contra o Coronavírus e o Ref — Rocinha. O primeiro, comandado por três moradores da Zona Sul, nasceu na pandemia. Nesta ação, eles pretendem distribuir 200 cestas.

— Aceitamos doações em dinheiro, de alimentos ou de cestas. Eu, Ariane Baars e Mauricio “Soca” somos responsáveis pela arrecadação das doações e a avaliação das famílias que as receberão. Como são muitos, não conseguimos atender todos — diz a fisioterapeuta Priscila Hessab, integrante do Rocinha Contra o Coronavírus.

Já o Ref — Rocinha, idealizado pelo professor e morador do bairro Gabriel Silva, começou um pouco antes, em 2017, apenas com aulas de reforço escolar, mas logo começou a promover eventos para moradores em datas comemorativas. Este ano, a união se dará por meio de doações de alimentos e chocolates.

— Aceitamos o produto ou o valor deles. O objetivo é beneficiar cem famílias com as cestas e 250 crianças com os chocolates — afirma Silva.

Para os interessados, basta acessar @rocinha_contra_o_coronavírus, @refrocinha ou @correntedobemunspelosoutros. O carrinho de doações do projeto do Catete fica no endereço citado apenas em dias de ação. Já a coleta do Ref — Rocinha é feita na Paróquia de Nossa Senhora da Boa Viagem, na Estrada da Gávea 454, de segunda a sexta-feira, das 17h às 19h30m; e aos sábados, das 13h às 16h. O projeto Rocinha contra o Coronavírus não tem ponto físico.

SIGA O GLOBO-BAIRROS NO TWITTER (OGlobo_Bairros)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos