Protestos e mortes no Dia das Forças Armadas em Mianmar

As forças de segurança de Mianmar mataram quase 90 pessoas durante a repressão às manifestações em todo o país neste sábado. A informação é de uma ONG birmanesa, que monitora o número de óbitos desde o golpe de Estado no país. O sábado foi marcado por protestos contra a junta militar, que comemorou o Dia das Forças Armadas com um grande desfile na capital Naypyidaw. The country has been in turmoil since the generals ousted and detained civilian ruler Aung San Suu Kyi on February 1, triggering a major uprising demanding a return to democracy.