Província chinesa convoca cinco empresas pra explicação de live

·1 min de leitura
A display at the Nasdaq Market Site shows a message after Chinese online group discounter Pinduoduo Inc. (PDD) was listed on the Nasdaq exchange in Times Square in New York City, New York, U.S., July 26, 2018. REUTERS/Mike Segar
Pinduoduo, uma das empresas multadas por lives. Foto: REUTERS/Mike Segar
  • Organização de proteção ao consumidor convocou cinco plataformas online para explicação;

  • China quer investigar Taobao, Pinduoduo e Grupo Alibaba;

  • Irregularidades teriam sido cometidas no "Dia dos Solteiros" no país;

Uma organização de proteção ao consumidor na província chinesa de Zhejiang convocou na quinta-feira cinco plataformas online, incluindo Taobao, Pinduoduo e JD.com do Grupo Alibaba, sobre irregularidades na transmissão ao vivo durante o festival de compras do Dia dos Solteiros, de acordo com a mídia estatal, em informações reproduzidas pela Reuters. 

Leia também:

As plataformas de compartilhamento de vídeo e livestreaming Kuaishou e ByteDance's Douyin, a versão chinesa do TikTok, também foram convocadas para explicações, de acordo com a agência Reuters. Não foi informado à imprensa local sobre quais seriam essas irregularidades cometidas por essas plataformas online em transmissões ao vivo.

Organização de proteção ao consumidor alegou irregularidades em lives

De acordo com a Reuters, a organização de proteção ao consumidor disse que havia irregularidades com quase 30% dos transmissões ao vivo durante o Dia dos Solteiros, enquanto em outra irregularidade denunciada, 40% dos produtos vendidos durante as transmissões não atendiam aos padrões nacionais de qualidade.

O "dia dos solteiros" é a maior data do comércio na China. Criada em protesto contra o dia dos namorados e a "cultura obcecada pelo casamento" do país por estudantes da Universidade de Nanjing nos anos 90, teve a data transformada em um festival de compras pela Alibaba e ao longo dos últimos anos outras marcas aderiram ao evento. Segundo a Alibaba, o "dia dos solteiros" já movimentou na China US$ 56 bilhões em vendas (cerca de R$ 300 bilhões na cotação atual).

(Com informações da agência Reuters)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos