PSOL aprova pré-candidatura de Boulos ao governo de SP

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO. O PSOL aprovou neste domingo em congresso do diretório estadual de São Paulo a pré-candidatura do líder sem-teto Guilherme Boulos a governador no ano que vem. Boulos já vinha percorrendo o estado desde o começo do ano.

O desafio para o líder sem-teto agora será unir os partidos de esquerda em torno de seu nome. O PT tem manifestado a intenção de lançar a candidatura do ex-prefeito Fernando Haddad, que também está percorrendo o estado.

— A tarefa agora é construir uma unidade com todas as forças do nosso campo em torno de um programa comum, sem hegemonismo e com muito diálogo — afirmou Boulos.

Haddad ainda não admite publicamente que pretende concorrer ao governo estadual, mas a sua entrada na disputa faz parte da estratégia desenhada pelo ex-presidente Lula de ter palanques fortes nos principais estados para a sua candidatura presidencial no ano que vem.

Boulos supreendeu ao chegar ao segundo turno da eleição para prefeito de São Paulo no ano passado. Ele perdeu para Bruno Covas (PSDB), mas teve 40,62% dos votos válidos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos