PT pede que Band deixe púlpito de Lula vazio durante debate

Manifestantes se reúnem em frente ao Tribunal Regional da 4ª Região (TRF/4), em Porto Alegre (RS), para protestar contra e a favor do Habeas Corpus do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, na noite deste domingo (8). Os grupos ficaram separados pelas tropas de choque da Polícia Militar. Davi Magalhães/Futura Press
Manifestantes se reúnem em frente ao Tribunal Regional da 4ª Região (TRF/4), em Porto Alegre (RS), para protestar contra e a favor do Habeas Corpus do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, na noite deste domingo (8). Os grupos ficaram separados pelas tropas de choque da Polícia Militar. Davi Magalhães/Futura Press

O Painel da Folha de São Paulo de hoje adianta que a assessoria do ex-presidente Lula pediu à direção da Band que, diante da negativa do TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região) que ele participe do primeiro debate, na próxima quinta-feira (9), o púlpito do PT fique vazio; uma vez que a emissora afirmou que o vice de Lula, o ex-prefeito paulistano Fernando Haddad, não o represente.

Ontem (6), a presidente do partido, Gleisi Hoffmann, e Haddad estiveram com Lula, que está preso em Curitiba, desde o dia 7 de abril, por lavagem de dinheiro e corrupção, para discutir com a equipe de advogados da sigla fosse à Justiça para garantir a presença de Haddad nos debates.

Saiba mais:
Para evitar que STF discuta sua candidatura, Lula abre mão de pedido de liberdade
Em análise de poder de fogo, Lula (PT) é candidato mais forte

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos