Publicação de Elon Musk se torna viral na China em meio a confronto com Programa Mundial de Alimentos

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Por Eduardo Baptista

HONG KONG (Reuters) - Conhecido por desencadear debates no Twitter, Elon Musk foi o centro das especulações no Weibo nesta terça-feira após o CEO da Tesla postar um poema no site chinês que alguns consideraram uma extensão de seu confronto com o Programa Mundial de Alimentos da ONU.

Musk e o chefe do Programa Mundial de Alimentos (PMA), David Beasley, têm se envolvido em um debate acalorado desde que Beasley desafiou os bilionários na semana passada a dar mais de sua riqueza para acabar com a fome. Musk rebateu dizendo que venderia 6 bilhões de dólares em ações da Tesla e doaria ao PMA, desde que a organização revelasse mais informações sobre como gastou seu dinheiro.

Em suas contas oficiais no Twitter e no Weibo na terça-feira, Musk escreveu em inglês "Humankind" antes de postar uma versão abreviada do 'Verso dos Sete Passos' em chinês.

O poema altamente metafórico descreve a relação entre dois irmãos de uma família real durante o período de guerra dos Três Reinos, que é ensinado em todas as escolas primárias da China sobre a importância de se dar bem.

Após o poema, Musk fez uma postagem no Weibo sobre o PMA, reafirmando seus tuítes anteriores de que se a organização puder "explicar com precisão como mais de 6 bilhões de dólares resolverão o problema da fome global, imediatamente venderei as ações da Tesla e depois doarei".

As discussões sobre como interpretar as postagens de Musk tiveram forte acompanhamento no Weibo na terça-feira, recebendo mais de 100 milhões de visualizações. O Twitter está bloqueado na China continental.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos