Puma é resgatado de apartamento em Nova York

·1 minuto de leitura
O puma resgatado caminha em um recinto do Zoológico do Bronx, para onde foi levado antes de ser transferido a um santuário (AFP/Julie Larsen MAHER)

Autoridades americanas resgataram de um apartamento em Nova York um puma de 11 meses, que pesava 37 quilos.

Chamado Sasha, o animal selvagem vivia em uma residência no distrito do Bronx, informaram as autoridades. Ele foi resgatado na semana passada, em uma operação conjunta entre a polícia, a Sociedade Protetora dos Animais dos Estados Unidos e funcionários da cidade e do zoológico do Bronx.

O dono entregou o felino e acompanhou o traslado. O animal foi levado para o santuário de Turpentine Creek, no Arkansas, que cuida de grandes felinos. "Esse puma é relativamente afortunado por seus donos reconhecerem que um gato selvagem não está apto a viver em um apartamento, nem em nenhum outro ambiente doméstico", disse Kelly Donithan, diretora de resposta a desastres animais da sociedade protetora.

"As lágrimas do dono e os sons nervosos do puma enquanto o levávamos nos conduzem dolorosamente às muitas vítimas desse comércio horrendo e ao mito de que os animais selvagens pertencem a qualquer lugar, menos ao ambiente silvestre", acrescentou Kelly.

O comissário de polícia de Nova York, Dermot Shea, informou que o caso está sob investigação e que não há mais informações disponíveis no momento.

pdh/sst/llu/lda/lb

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos