Putin e Xi Jinping devem discutir Ucrânia e Taiwan

Putin e Xi em Pequim

Por Mukhammadsharif Mamatkulov

SAMARCANDA, Uzbequistão (Reuters) - Xi Jinping e Vladimir Putin se reúnem nesta quinta-feira em uma antiga cidade uzbeque da Rota da Seda para discutir a guerra na Ucrânia, as tensões sobre Taiwan e o aprofundamento da parceria entre China e Rússia.

Em sua primeira viagem para fora da China desde o início da pandemia de Covid-19, Xi chegou à Ásia Central na quarta-feira, apenas um mês antes de o Partido Comunista consolidar seu lugar como o líder chinês mais poderoso desde Mao Zedong.

Xi e Putin devem se encontrar em Samarcanda na tarde de quinta-feira, de acordo com um cronograma distribuído pela delegação russa à mídia.

"Os presidentes vão discutir tanto a agenda bilateral quanto os principais tópicos regionais e internacionais", disse o assessor de política externa de Putin, Yuri Ushakov, a repórteres em Moscou na terça-feira.

Ushakov afirmou que os líderes discutirão Ucrânia e Taiwan na reunião que, segundo ele, terá "significado especial" dada a situação geopolítica.

A última vez que Xi e Putin se encontraram pessoalmente, poucas semanas antes de a Rússia invadir a Ucrânia em 24 de fevereiro, eles declararam uma parceria "sem limites" e assinaram uma promessa de colaborar mais contra o Ocidente.