Putin manda prender opositor russo Andrei Pivovarov

O opositor russo Andrei Pivovarov foi condenado esta sexta-feira na Rússia a quatro anos de prisão por ter liderado um grupo pró-democracia.

O ativista, de 40 anos, é o ex-diretor executivo da Open Russia, uma organização entretanto banida.

Pivovarov fica também proibido de exercer qualquer atividade política durante oito anos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos