Putin promete a Bolsonaro manter fornecimento de fertilizantes, diz Kremlin

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

O presidente Jair Bolsonaro e o presidente da Rússia, Vladimir Putin, conversaram por telefone na manhã desta segunda-feira. De acordo com comunicado do governo russo, Putin afirmou estar empenhado em garantir o fornecimento ininterrupto de fertilizantes ao Brasil.

Marcelo Ninio: Com um empurrão da China, Brics assusta como bloco político

Encontro na Alemanha: Zelensky pede que G7 'faça o máximo' para terminar guerra até fim do ano

Ainda segundo o governo russo, Putin e Bolsonaro acertaram um fortalecimento da "parceira estratégica" entre os dois países, com um aumento de cooperação em áreas como agricultura e energia. A conversa foi acordada durante reunião do Brics, realizada na semana passada.

O chanceler Carlos França, que acompanhou Bolsonaro na conversa, confirmou o telefonema e disse que os dois trataram de segurança alimentar e energética. Também estavam presentes os ministros Marcos Montes (Agricultura) e Adolfo Sachsida (Minas e Energia).

O fornecimento de fertilizantes foi um dos temas tratados durante a visita de Bolsonaro a Moscou, realizada em fevereiro. O presidente brasileiro foi criticado por se encontrar com Putin às vésperas da invasão da Ucrânia, e por não condenar a ação militar, mas costuma dizer que fez o necessário para garantir o envio dos produtos ao Brasil.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos