Putin reúne conselho de segurança russo após ataque dos EUA com mísseis na Síria

O presidente da Rússia, Vladimir Putin. 05/04/2017 REUTERS/Pavel Golovkin/Pool

MOSCOU (Reuters) - O presidente da Rússia, Vladimir Putin, convocou uma reunião com seu conselho de segurança nesta sexta-feira para debater o ataque dos Estados Unidos com mísseis na Síria, disse o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov.

A Rússia suspendeu seu acordo de segurança aérea com os EUA na Síria após os bombardeios.

Peskov disse que a Rússia irá manter os canais de comunicação técnica e militar abertos com Washington, mas que não irá compartilhar nenhuma informação através deles.

"À luz dos ataques com mísseis, os riscos (de colisões entre aeronaves russas e norte-americanas) são significativamente maiores", disse o porta-voz a jornalistas.

Segundo Peskov, o ataque dos EUA serviu aos interesses do Estado Islâmico e outros grupos radicais operando na Síria.

(Por Maria Tsvetkova)