Quadro clínico de Bruno Covas é 'irreversível', informa equipe médica

SÃO PAULO - A equipe médica que trata o prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), informou na noite desta sesta sexta-feira (14) que o quadro clínico dele é considerado irreversível. Ele está recebendo medicamentos analgésicos e sedativos. Covas foi diagnosticado com câncer em outubro de 2019 e se internou no Hospital Sírio-Libanês no último dia 2.

Segundo nota divulgada pelo hospital, Covas está num quarto, onde recebeu a vista da família no início da noite.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos