Qual será a briga? Clubes do Big Six da Premier League entram com diferentes objetivos no campeonato


Finalmente chegou o dia. A bola volta a rolar na Premier League nesta sexta-feira, com Crystal Palace e Arsenal fazendo a primeira partida da competição na temporada 2022/23. E como em todo início de campanha, é a hora de projetar os rumos das equipes, mesmo que no final o resultado seja completamente diferente.


Hoje é dia de falar do Big Six, o grupo dos seis times mais importantes da Inglaterra atualmente: Arsenal, Chelsea, Liverpool, Manchester City, Manchester United e Tottenham.

+ Veja a tabela e os jogos da Premier League 2022/23

CITY E LIVERPOOL NA BRIGA PELO TÍTULO
Assim como na temporada passada, a expectativa é que Liverpool e Manchester City mais uma vez disputem o título ponto a ponto. Mais fortes da Terra da Rainha, os times de Pep Guardiola e Jürgen Klopp têm dominado o torneio e foram os responsáveis pelos últimos cinco campeonatos (quatro para o catalão e um para o alemão).

Em 2021/22, os Cityzens levaram a melhor com 93 pontos conquistados, enquanto os Reds tiveram 92. Na Copa da Inglaterra, entretanto, o Liverpool eliminou o Manchester City nas semifinais antes de ser campeão. No último sábado, o time vermelho bateu o rival na Supercopa, que reúne os dois campeões nacionais.

As duas equipes chegam reforçadas para este ano. No Manchester City, a principal chegada foi o centroavante Erling Haaland, ex-Borussia Dortmund. No Liverpool, um nome da mesma posição desembarcou no Anfield: Darwin Núñez.

Liverpool x Manchester City
Liverpool x Manchester City

Manchester City e Liverpool são os principais times da Premier League (Foto: NIGEL RODDIS / AFP)

UNITED QUER VOLTAR AO TOPO
​Depois de uma temporada decepcionante, onde ficou em sexto e sequer foi à Champions League, o Manchester United tem como grande novidade o técnico Erik ten Hag, que fez grande trabalho no Ajax. Motivado com o novo comandante, os Diabos Vermelhos querem retomar o caminho de glórias para brigar na parte de cima.

Principal jogador do elenco vermelho, Cristiano Ronaldo tem sua permanência incerta. O astro português já declarou que pretende deixar o clube, mas até o momento sua situação não foi definida. Com a janela aberta até o fim do mês, a permanência do camisa 7 pode ser fundamental pela busca da vaga na Liga dos Campeões.

Cristiano Ronaldo - Manchester United
Cristiano Ronaldo - Manchester United

Cristiano Ronaldo pode deixar o Manchester United (NIGEL RODDIS / AFP)

+ Premier League completa 30 anos: escalamos a seleção ideal da história

RIVAIS DE LONDRES LUTARÃO PELO G-4

Depois de uma disputa emocionante pela classificação para a Champions na última temporada, Arsenal, Chelsea e Tottenham prometem novamente uma briga em alto nível neste ano. Os clubes da capital se reforçaram na janela e vêm fortes.

Considerados os dois maiores da região, Arsenal e Chelsea travaram uma luta por Raphinha no mercado, mas ambos saíram derrotados. O brasileiro escolheu o Barcelona e frustrou Gunners e Blues. A partir daí, a escolha foi em nomes que estavam no Manchester City. Enquanto a equipe de Mikel Arteta contratou Gabriel Jesus, o elenco de Thomas Tuchel recutrou Raheem Sterling.

Arsenal x Chelsea
Arsenal x Chelsea

Arsenal venceu a Florida Cup em cima do Chelsea (Foto: AFP)

Na parte branca da cidade, o Tottenham de Antonio Conte, que teve grande recuperação ao longo da última temporada, vem empolgado com um trio de ataque poderoso. Além dos já renomados Harry Kane e Heung-min Son, agora os Spurs contam também com o brasileiro Richarlison. Depois de se destacar no Everton, o atacante deu o salto na carreira.

Richarlison  - Tottenham
Richarlison - Tottenham

Richarlison é o novo camisa 9 do Tottenham (Foto: ANDY BUCHANAN / AFP)

Agora é a hora da bola rolar e dos clubes demonstrarem na prática por que fazem parte do Big Six. Façam suas apostas, pois em maio nós teremos as respostas.

* Estagiário, sob a supervisão de Cayo Pereira.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos