Quanto o Santos vai gastar no empréstimo e compra de Luan Peres

Jorge Nicola
·1 minuto de leitura
Luan Peres é considerado peça fundamental por Cuca contra o Boca (Ivan Storti/Santos)
Luan Peres é considerado peça fundamental por Cuca contra o Boca (Ivan Storti/Santos)

Depois de semanas de negociação, Santos e Club Brugge bateram nesta terça-feira o martelo pela permanência de Luan Peres na Vila Belmiro. O Blog apurou que o zagueiro ficará por empréstimo de um mês pelo valor de 100 mil euros ou R$ 640 mil. Desta maneira, ele estará apto para os jogos decisivos da Libertadores.

Também ficou acertada a obrigação de compra de Luan Peres pelo Santos em caso de classificação para a final do torneio. Se passar pelo Boca Juniors, o novo presidente alvinegro, Andrés Rueda, terá de desembolsar 2,7 milhões de euros ou R$ 17,3 milhões por Luan Peres. A primeira pedida dos belgas era de 5 milhões de euros.

Walter Schalka e Cuca tiveram papel fundamental no acerto. Schalka, que é Ceo da Suzano, maior empresa global de celulose, conduziu as negociações com os belgas, enquanto Cuca trabalhou nas bastidores, encontrando alternativas para garantir a permanência de Luan Peres.

Agora, a nova meta é assegurar que Lucas Veríssimo também fique para os duelos de 6 e 13 de janeiro contra o Boca. O zagueiro quer se mudar para o Benfica e, irritado com a diretoria do Santos, se recusou a defender o clube nas duas últimas partidas do Brasileirão.