Quatro astronautas decolam para a ISS com a SpaceX

·2 min de leitura
Os astronautas Matthias Maurer, Tom Marshburn, Raja Chari e Kayla Barron da Mission Crew-3, durante um voo de teste para a ISS em 10 de novembro de 2021 (AFP/Joel KOWSKY)

Três astronautas americanos e um alemão decolaram nesta quarta-feira (10) à noite, dez dias depois do previsto inicialmente, rumo à Estação Espacial Internacional (ISS), onde deverão ficar por seis meses.

Eles vão substituir a tripulação que acabou de deixar a ISS, que incluía dois americanos, um francês e um japonês, que retornou à Terra na noite de segunda para terça-feira.

Os quatro astronautas decolaram da Flórida em um foguete SpaceX Falcon 9 às 21h03, horário local (23h03 no horário de Brasília).

A cápsula do Dragon deve atracar na estação na quinta-feira às 19h10 (21h10 no horário de Brasília).

Os astronautas da Nasa Raja Chari, Kayla Barron e Tom Marshburn, assim como o da Agência Espacial Europeia (ESA) Matthias Maurer, respeitaram uma quarentena há dias no Centro Espacial Kennedy em Cabo Canaveral antes de decolarem.

A partida deveria ser no final de outubro, mas a decolagem foi adiada várias vezes, principalmente por condições climáticas e, posteriormente, por "um pequeno problema de saúde" de um dos astronautas, sobre o qual a Nasa não deu mais detalhes.

A agência espacial decidiu trazer a tripulação do Crew-2 de volta à Terra antes de lançar o Crew-3.

O período de transferência entre as duas tripulações, que normalmente ocorre em gravidade zero por alguns dias, não pôde ser realizado.

A missão é chamada de Crew-3, pois é a terceira realizada pela SpaceX em nome da Nasa. No entanto, é a quinta vez que a empresa de Elon Musk lança humanos em órbita.

Antes da Crew-1 e da Crew-2, uma missão de teste (Demo-2) enviou dois astronautas à ISS. E em setembro a SpaceX também lançou quatro turistas ao espaço por três dias.

- Recepção de turistas -

A tripulação do Crew-3 embarcou em uma nova cápsula do Dragon, a "Endurance".

Para o americano Tom Marshburn, esta será sua terceira vez no espaço. Ele já voou a bordo de um ônibus espacial em 2009 e, em seguida, de um foguete russo Soyuz em 2012-2013. Os outros três astronautas farão a viagem pela primeira vez.

Matthias Maurer será o décimo segundo alemão no espaço. Uma das missões dos astronautas será observar os efeitos da dieta na flora intestinal e no sistema imunológico, cujas defesas costumam ficar enfraquecidas após uma estadia prolongada no espaço.

Os quatro vão consumir uma seleção mais ampla de frutas e vegetais liofilizados (abóbora, couve ...) e também de barramundi, um peixe.

Eles também realizarão caminhadas espaciais, principalmente para continuar a instalação de novos painéis solares na ISS.

E eles receberão duas missões turísticas: uma, no final do ano, de japoneses transportados por uma espaçonave Soyuz, e a outra, em fevereiro de 2022, de passageiros da missão Ax-1, organizada pela empresa Axiom Space em associação com SpaceX.

la/dg/rsr/jc

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos