'Que a esperança vença o medo', diz Boric ao votar na eleição chilena

·1 min de leitura
Candidato à presidência do Chile Gabriel Boric cumprimenta eleitores depois de votar, em Punta Arenas, em 21 de novembro de 2021 (AFP/Claudio REYES)

"Que a esperança vença o medo", disse neste domingo (21) o jovem candidato da esquerda à presidência do Chile, Gabriel Boric, ao votar em sua cidade natal, Punta Arenas, no extremo-sul do país.

De 35 anos, idade mínima para se candidatar à presidência do país, Boric é o mais jovem dos sete candidatos que disputam a corrida para suceder ao conservador Sebastián Piñera. Também é o candidato mais jovem da história do Chile.

Boric representa a coalizão "Aprovo a dignidade", que reúne a Frente Ampla e o Partido Comunista.

"Representamos o processo de mudança e transformação que está por vir, (mas) com certeza, com a gradação que for necessária", frisou o candidato, que propôs, na campanha, uma mudança no modelo neoliberal de desenvolvimento do país.

"Trata-se de um projeto coletivo. É sobre a esperança vencer o medo, que sejamos capazes de construir um Chile que seja justo, que seja digno, que tenha aposentadoria digna para os idosos, que tenha um sistema de saúde que não discrimine, que consigamos descentralizar e que o poder esteja nos territórios", afirmou.

"Não cabe qualquer dúvida de que vamos conseguir chegar a um acordo, e eu espero poder liderar estes acordos, com conversa, com diálogo, com tudo o que for necessário, mas avançando. Como nos dizia um velho amigo por aí, é preciso avançar passo a passo, mas nunca deixar de avançar", acrescentou.

Segundo as últimas pesquisas, que em sua maioria erraram nas previsões de várias consultas desde 2019, Boric aparece como favorito contra o candidato da extrema direita, o advogado de 55 anos José Antonio Kast.

pa/pb/lda/tt

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos