Queiroga cita Cazuza e diz ser vacinador-geral da República em jantar com empresários

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
*ARQUIVO* BRASILIA, DF,  BRASIL,  29-07-2021, 12h00: Os ministros Marcelo Queiroga (FOTO) (Saúde) e Wagner Rosário (CGU) durante coletiva de imprensa para falar sobre a apuração das denúncias da proposta de compra da vacina da Covaxin. No palácio do planalto. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)
*ARQUIVO* BRASILIA, DF, BRASIL, 29-07-2021, 12h00: Os ministros Marcelo Queiroga (FOTO) (Saúde) e Wagner Rosário (CGU) durante coletiva de imprensa para falar sobre a apuração das denúncias da proposta de compra da vacina da Covaxin. No palácio do planalto. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, se autointitulou em jantar com empresários na noite de segunda (22) o vacinador-geral da República e disse que o Brasil tem contratada toda a vacina contra Covid-19 necessária para 2022.

A afirmação sobre ser o vacinador-geral veio após pergunta de um participante do encontro organizado pelo Esfera Brasil em São Paulo sobre a dificuldade enfrentada para se vacinar em outro estado diferente do que nasceu.

Queiroga criticou políticas de vacinação de governos e prefeituras, mas afirmou que em Brasília ele mesmo poderia vacinar uma vez que já aplicou imunizante em vários ministros do governo Bolsonaro.

O titular da Saúde também foi perguntado sobre o motivo de não ter convencido o presidente da República a se vacinar e argumentou ser ministro e não médico de Bolsonaro.

Aparentando estar descontraído no evento, Queiroga encerrou seu discurso citando "Brasil mostra a sua cara", trecho da música de Cazuza.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos