Quem é Dayane Mello, que saiu do Big Brother Itália direto para “A Fazenda 13”?

·10 minuto de leitura
Quem é Dayane Mello? (Foto: Reprodução/ Instagram @dayanemelloreal
Quem é Dayane Mello? (Foto: Reprodução/ Instagram @dayanemelloreal)

Resumo da Notícia:

  • Dayanne Mello participou do “Gran Fratello VIP”, o “Big Brother” italiano;

  • Nego do Borel está sendo investigado por assediar sexualmente Dayanne Mello;

  • Modelo de Joinville, em Santa Catarina, Dayanne tem uma história de superação 

Confinada em “A Fazenda 13”, Dayane Mello nem imagina o que está acontecendo fora do programa após dormir na mesma cama que Nego do Borel. O cantor está sendo investigado por assediar a modelo sexualmente enquanto ela estava bêbada.

Nego do Borel foi expulso do reality show no dia 25 de setembro depois que a Record analisou as imagens, ouviu o depoimento de Dayane e chegar à conclusão de que ela não se lembrava de alguns fatos que aconteceram naquela madrugada.

Leia também:

E quem é Dayane Mello?

Infância pobre com mãe ausente

Dayane Mello ficou conhecida no Brasil após participar do “Gran Fratello VIP”, o “Big Brother” italiano, no ano passado. Mas ela já era conhecida do público italiano. Antes do “Gran Fratello VIP”, a modelo participou de outros quatro reality shows, entre eles o “Monte Bianco”, versão italiana do “Dança dos Famosos”, e o “Ilha dos Famosos”, que lembra o “No Limite”.

Natural de Joinville, em Santa Catarina, Dayane tem 32 anos e trabalha como modelo desde os 16. No “BB” italiano, ela contou que teve uma infância pobre, marcada pela ausência da mãe.

"Minha mãe teve 10 filhos. Morávamos em uma pequena casa com três outros irmãos e ficávamos sem comer por uma semana. Ela era prostituta. Vivíamos cheios de piolhos, sujos e magros", lembrou ela, que revelou também que chegou a roubar supermercados para ter o que comer.

"Lembro-me vagamente de que minha mãe vinha uma vez por semana, cada vez com um homem diferente, e nos trazia comida. Depois foi embora", complementou. Após viver um tempo com a mãe, ela acabou se mudando para Lontras, município localizado no Alto Vale do Itajaí.

Em entrevista ao site catarinense "ND Mais", o pai de Dayane, Vonei Mello, contou que desde pequena ela tinha o sonho de brilhar nas passarelas.

“Quando ela tinha uns 10 anos ela já dizia que queria ser modelo. E a partir daí, tudo ela fez por conta, sempre metendo a cara para ir atrás do que ela queria. Ela tem uma personalidade muito forte e sempre brigou para conseguir o que queria”.

O sucesso como modelo

Quem é Dayane Mello? (Foto: Reprodução/ Getty Images)
Quem é Dayane Mello? (Foto: Reprodução/ Venturelli/WireImage - Getty Imagens)

Aos 17 anos, Dayane Mello se mudou para o Chile, onde começou a fazer trabalhos internacionais. Em 2014, ela foi para Milão e desde então já participou de campanhas publicitárias, videoclipes e programas de televisão.

Dayane é mãe de Sofia, de seis anos, fruto de seu relacionamento com o também modelo Stefano Sala. Os dois viajavam muito juntos a trabalho. O relacionamento entre eles durou pouco, mas amizade continuou, tanto que a filha ficou com a avó paterna durante sua permanência no “Gran Fratello”.

Dayane sofreu ataques no “Gran Fratello”

Quem é Dayane Mello? (Foto: Reprodução/ Getty Images)
Quem é Dayane Mello? (Foto: Reprodução/ Getty Images)

Na edição só para celebridades, a modelo foi alvo de comentários misóginos e xenofóbicos, desencadeando uma disputa entre os espectadores do Brasil e da Itália.

A modelo ganhou a simpatia dos brasileiros desde que começaram a circular, nas redes sociais, vídeos em que os participantes do reality fazem comentários sobre ela. Em uma ocasião, ao ver a roupa que a brasileira estava vestindo, Francesco Oppini fez a seguinte declaração:

"Em Verona (cidade italiana), ela seria estuprada". Ao perceber o desconforto do outro brother, ele acrescentou: "Mas no bom sentido".

Morte do irmão e paixão por outra mulher

Durante o confinamento, Dayane foi avisada sobre a morte de um de seus irmãos após acidente de carro. A modelo ficou muito abalada, mas preferiu permanecer no programa. Ela também se declarou bissexual ao vivo e assumiu a paixão por outra participante, Rosalinda.

Após a revelação, Dayane também foi chamada de falsa e acusada de fingir a situação. "É tudo falsidade", acusou Stefania, uma das participantes do jogo. Na mesma noite, Dayane também indicou Rosalinda ao paredão, mesmo após declarar seu amor pela participante.

“Falei das experiências que tive, sim. Sou muito convicta daquilo que me atrai e daquilo que faço, então é natural que eu diga que estou apaixonada por essa mulher (Rosalinda)”.

Isso porque os três finalistas do reality (Dayane, Pierpaolo e Tommaso) precisavam escolher uma dupla para ir ao paredão. Porém, Rosalinda estava com um dos maiores rivais da modelo na casa. Por isso, Dayane optou por salvar a outra dupla - que tinha Samantha como integrante, uma grande amiga da modelo na casa - , deixando Rosalinda na berlinda.

Brasileiros criaram mutirão

Inconformados com o tratamento dado à modelo, os brasileiros subiram a tag "Dayane Merece Respeito" no Twitter, que se tornou um dos assuntos mais comentados da rede social no Brasil. O apoio logo se refletiu nas votações do reality e, graças aos conterrâneos, a modelo conseguiu voltar de oito paredões.

Segundo amigos da modelo, ela possui um comportamento que a mentalidade conservadora italiana não aceita. Na época do reality, em entrevista ao Fantástico, o bailarino Samuel Peron, amigo de Dayane, a definiu como "selvagem". De acordo com ele, é no bom sentido: "Ela é como um cavalo indomável, selvagem e que gosta de viver intensamente e é pura", contou.

Dayane ganhou apoio de famosos

Diante de tanta repercussão, Dayane Mello chegou a ganhar torcida de peso de famosos do Brasil, como Ana Maria Braga, Tatá Werneck e Felipe Neto, que iniciaram um mutirão de votação para Dayanne permanecesse na disputa pelo prêmio.

Tatá saiu em defesa de Dayane e, em seguida, ainda deu o passo a passo de como deveriam votar no reality. Na época, o irmão da modelo Juliano Mello, disse ao G1 que a família recebeu mensagens de várias partes do mundo. “Foram do Brasil, de Portugal, da Argentina, do mundo todo. Pessoas que se identificaram com o que passamos, que viveram a mesma situação'", disse ele.

Vendo alguns de seus "queridinhos" serem eliminados pela brasileira, os italianos decidiram dar o troco. Em uma postagem da Globo sobre o "BBB 21" no Twitter, eles ameaçaram sabotar os paredões do programa, que estreou em 25 de janeiro.

"Brasileiros, viemos para desfazer cada casal", comentou um italiano. "Estarei com a lista de seus favoritos em mãos, pronto para tirá-los um por um", publicou outro. Porém, ficou só na ameaça.

4º lugar no 'Gran Fratello VIP'

Quem é Dayane Mello? (Foto: Reprodução/ Getty Images)
Quem é Dayane Mello? (Foto: Reprodução/ Getty Images)

Apesar do empenho dos brasileiros, Dayane Mello terminou em 4º lugar a quinta edição do "Grande Fratello VIP". Ao longo da edição, ela foi indicada a 11 paredões até chegar final.

O vencedor da edição foi Tommaso Zorzi. O reality definiu o participante como uma estrela das redes sociais. Ele também ele tem um livro, um canal no YouTube e uma marca de roupa.

Do “Big Brother Itália” à “A Fazenda 13”

Após toda a repercussão do "BB Itália”, Dayane Mello foi convidada a participar de “A Fazenda 13”. Logo nos primeiros dias de confinamento, Dayane criou polêmica ao defender Nego do Borel das acusações de agressão e estupro feitas pela ex-namorada dele, Duda Reis. Em conversa com Solange Gomes, a modelo disse que a atriz poderia estar inventando situações para prejudicar o cantor.

“Não dá pra acreditar (nas acusações contra Nego do Borel). Tem gente que, para mudar de vida, para ter um minuto de fama e dinheiro, inventa um milhão de coisas. Então, esse pobre coitado pode estar sofrendo psicologicamente. A gente não sabe", afirmou Dayane Mello.

Após a repercussão, Duda Reis se pronunciou. "Não quero que isso incite nenhuma onda de ódio contra outra mulher. Esse tipo de atitude mostra como nossa sociedade ainda é machista e como a mulher ainda é muito ensinada a não acreditar em outra mulher (...) Lamento muito porque eu jamais teria falado isso, mas a maior pena é uma emissora colocar homens com ficha criminal em realities na TV e dar chances para esses homens", lamentou.

Falas consideradas racistas em “A Fazenda 13”

Depois de duvidar da veracidade das acusações de Duda Reis contra Nego do Borel, Dayane Mello voltou a causar polêmica depois de ter associado a cor de sua pele "branquinha" a uma "beleza elegante". Ela foi acusada por internautas de ter sido racista.

Em conversa com Tiago Piquilo, contou que não pode tomar sol, pois as marcas que a contratam para campanhas não gostam quando ela está mais morena. Segundo ela, mas marcas preferem uma "beleza um pouco mais elegante". As falas causaram revolta no público, inclusive de artistas, como Giovanna Ewbank: “Vontade de vomitar”, disse a apresentadora, que é mãe de dois filhos negros.

O polêmico envolvimento com Nego do Borel

Dayane Mello tornou-se bem próxima de Nego do Borel em “A Fazenda 13”. Mas a relação entre eles extrapolou o limite quando o cantor não respeitou o estado de embriagues da modelo. Após a festa que ocorreu no dia 25 de setembro, os dois deitaram na mesma cama e, mesmo sabendo que Dayana estava bêbada, o cantor não se afastou.

Ao ver o estado da colega, Rico Melquiades disse que o cantor estava excitado por estar deitado com ela. O artista não gostou.

MC Gui chegou a questionar se a peoa queria ficar ali. Solange também interferiu: "Vai para sua cama, Day. Ela tá totalmente bêbada". Dayane chegou a sair da cama de Nego, mas voltou. A produção do reality apagou as luzes e as câmeras focaram nas camas que estavam do outro lado do quarto, e não era possível os dois.

Ainda assim, dava para escutar algumas falas de Day. "É que eu tenho uma filha". Um tempo depois, a peoa pediu: “Para com isso, Nego”. Em outro momento, rolaram barulhos de suspiros, beijos e até um gemido. Incomodada, Dayane pediu mais uma vez: "Para com essa boca, para com essa boca".

Equipe de Dayane registrou boletim de ocorrência

Depois de toda a repercussão das cenas, a equipe de Dayane repudiou as atitudes de Nego do Borel e registrou boletim de ocorrência pedindo que o cantor seja investigado por suspeita de abuso sexual contra a modelo.

Os representantes da ex-Gran Fratello se dirigiram até a entrada da sede de A Fazenda 13, em Itapecerica da Serra (SP), acompanhada de policiais para abordar a direção do reality show e pedir esclarecimentos sobre o acontecimento.

A Record analisou as imagens, ouviu Dayane e, diante de fatos que ela não se lembrava, decidiu expulsar o funkeiro do programa. Em seu depoimento a produção do reality, a modelo definiu a relação entre ela e o cantor como "natural" e disse que a bebida não afetou a carícia entre eles.

Além disso, ela falou que estava consciente que os dois "dormiram abraçados" e que não fez nada do que não queria. "A gente não transou". Ela defendeu Nego e negou que ele tenha sido abusivo. Porém, Dayane não se lembrou quando disse para Nego parar, pois tinha uma filha. E também não se lembrou quando os outros peões pediram para que ela fosse dormir em outra cama.

Nego do Borel está sendo investigado pela Polícia Civil de São Paulo por suspeita de estupro de vulnerável. No dia seguinte após sair do programa, Nego se defendeu, negou o abuso e disse que estava sendo vítima de racismo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos