Quem era o filho de Ronaldo Caiado encontrado morto em fazenda

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Ronaldo Ramos Caiado Filho, filho do governador de Goiás, foi encontrado morto em fazenda no norte do estado. (Foto: Divulgação/Governo de Goiás)
Ronaldo Ramos Caiado Filho, filho do governador de Goiás, foi encontrado morto em fazenda no norte do estado. (Foto: Divulgação/Governo de Goiás)

Familiares e pessoas próximas descrevem Ronaldo Caiado Filho, de 40 anos, filho do governador Ronaldo Caiado (UB), como uma pessoa tímida, discreta, esforçada e próxima à família. Ele foi encontrado morto neste domingo (3) em uma fazenda em Nova Crixás, norte de Goiás. A causa da morte não foi divulgada.

Caiado Filho, era natural de Goiânia e nasceu no dia 5 de março de 1982. Ronaldo Filho era formado em administração na Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM) em São Paulo.

Ele é o segundo filho de Caiado com a primeira esposa, Thelma Gomes, professora de história da rede municipal e estadual em Aparecida de Goiânia, no Colégio Estadual Vida Nova

Durante muitos anos, Caiado Filho dividiu sua vida entre Goiás e São Paulo, mas, há pouco mais de um ano, o administrador mudou de vez para Nova Crixás. Na cidade goiana, ele cuidava da fazenda da família.

De acordo com Adriano Rocha Lima, primo de segundo grau do governador, Ronaldo Filho gostava da vida no campo.

“Ronaldo Filho era uma pessoa super do bem, trabalhador, muito na dele, discreto. Ele estava trabalhando e ajudando nos negócios do pai, porque como governador, o pai não tem tempo de tratar das coisas”, contou.

O governador recebeu a informação da morte do filho enquanto estava junto com a esposa, Gracinha Caiado, em uma das missas de encerramento da Festa do Divino Pai Eterno em Trindade.

Ao receber a notícia Ronaldo Caiado deixou imediatamente a missa.

O velório de Ronaldo Caiado Filho aconteceu na noite deste domingo em Goiânia, no cemitério Vale do Cerrado. A cerimônia foi realizada com a presença de diversos políticos e autoridades que foram se despedir do administrador e prestar apoio ao governador de Goiás e aos familiares.

O velório foi encerrado por volta de 23h, após uma cerimônia fúnebre de despedida que aconteceu dentro do crematório. O corpo deve ser cremado na manhã desta segunda-feira (4).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos