Questionado sobre crise hídrica, Bolsonaro diz que ligou para São Pedro

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Presidente Jair Bolsonaro
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira que não dá para fazer milagre no enfrentamento aos atuais problemas do país, como a crise hídrica e a inflação, mas em tom de brincadeira disse que ligou para São Pedro.

"Estamos na maior crise hidrológica dos últimos 90 anos, todo mundo estava sofrendo com isso, inflação veio atrás, energia cara, agora isso tudo veio daquela política que vocês apoiavam da imprensa, fique em casa, a economia a gente vê depois", justificou Bolsonaro, criticando mais uma vez ações de prefeitos e governadores que buscaram conter o coronavírus.

Segundo Bolsonaro, muita gente apoiou essa política. "Não dá para fazer milagre", emendou.

Questionado para falar sobre a crise hídrica, o presidente respondeu, sob risos dos apoiadores: "Eu liguei para São Pedro".

(Reportagem de Ricardo Brito)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos