Quincy Promes é processado por tentativa de homicídio

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
LEICESTER, ENGLAND - NOVEMBER 04: Quincy Promes of Spartak Moscow looks on before the UEFA Europa League group C match between Leicester City and Spartak Moskva at The King Power Stadium on November 4, 2021 in Leicester, United Kingdom. (Photo by Simon Stacpoole/Offside/Offside via Getty Images)
Jogador holandês teria apunhalado seu primo durante um encontro familiar. Foto: (Simon Stacpoole/Offside/Offside via Getty Images)

A Procuradoria de Justiça dos Países Baixos anunciou nesta quinta-feira (18) que acusou o meia-atacante Quincy Promes por tentativa de homícidio por apunhalar seu primo em julho de 2020. Em comunicado, a Procuradoria informou que "O esfaqueamento aconteceu depois de uma festa familiar em Abcoude (Holanda) e a vítima, primo do suspeito, sofreu graves lesões em um joelho".

O Ministério Público encaminhou o processo de investigação aos advogados de ambas as partes, o que possibilita que o tribunal de Amsterdã anuncie a data do início do julgamento. Promes pode pegar até quatro anos de prisão pelo incidente ocorrido em uma propriedade da família, distante 14 quilômetros da capital da Holanda.

Leia também:

O jogador e seu primo tentaram, após o ataque, chegar a um acordo econômico sem que houvesse conhecimento por parte da polícia, já que poderia impossibilitar a vítima de trabalhar, mas a polícia recebeu uma pista sobre o ocorrido e deteve Promes em dezembro do último ano.

Depois de prestar depoimento por mais de dois dias, Quincy, que atuou pela seleção da Holanda por 50 vezes, foi libertado e negou os fatos. O Ajax, equipe pela qual o holandês jogava quando foi detido, o negociou dois meses depois ao Spartak de Moscou por 8,5 milhões de euros. 

Em outubro deste ano, o treinador da Seleção Holandesa, Louis van Gaal, avisou que não pensa em convocar Quincy Promes enquanto o atleta continue com seus problemas judiciais. O comandante disse, em entrevista coletiva, que "Não creio que chame jogadores envolvidos nestas questões".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos