Quinto paciente de UPA atingida por incêndio morre em Aracaju (SE)

·1 minuto de leitura

RECIFE, PE (FOLHAPRESS) - Mais um paciente que estava internado em um hospital da rede pública de Sergipe após incêndio na sexta-feira passada (28) na ala de Covid-19 da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Nestor Piva, em Aracaju, morreu nesta segunda-feira (31).

Outros quatro doentes morreram no dia do incêndio. Maria José de Souza Santos, 56, estava internada no Hospital da Polícia Militar. Com Covid-19, ela deu entrada na UPA um dia antes de a unidade ser destruída pelo fogo.

A mulher não havia sofrido queimaduras, mas inalou bastante fumaça. Três pacientes tiveram o corpo queimado. Dois estão em estado grave.

Após o incêndio, 35 doentes precisaram ser transferidos às pressas para outras unidades de saúde.

Uma mulher de 77 anos morreu durante o processo de remoção para um hospital de urgência da rede pública estadual.

As chamas na unidade Nestor Piva, na zona norte da capital sergipana, tiveram início por volta das 6h30 da sexta-feira (28).

No local, dez doentes aguardavam na fila para acessar uma vaga de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) em outros hospitais.

A hipótese mais provável é de que o incêndio tenha sido ocasionado por um curto-circuito no sistema de refrigeração. Houve dificuldades na remoção de pacientes porque todos estavam acamados. Muitos doentes e acompanhantes ficaram ainda mais debilitados após inalar fumaça.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos