Rússia acusa Estados Unidos na ONU de terem violado a lei internacional

O vice-embaixador da Rússia na ONU, Vladimir Safronkov

A Rússia acusou nesta sexta-feira na ONU os Estados Unidos de terem violado a lei internacional ao lançarem um ataque militar contra o regime de Damasco na noite desta quinta-feira, depois de um suposto ataque químico que deixou mais de 80 mortos.

"Os Estados Unidos atacaram o território soberano da Síria. Classificamos este ataque como uma violação flagrante da lei internacional e um ato de agressão", afirmou o representante de Moscou na ONU Vladimir Safronkov, durante uma reunião de emergência do Conselho de Segurança dedicado ao ataque americano.