Rússia anuncia corredor humanitário e oferta de rendição para Ucrânia no Donbass

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Ministério da Defesa da Rússia anunciou que irá abrir um corredor humanitário na cidade de Severodonetsk, centro de violentos combates há semanas, e que ofertará às forças ucranianas a opção da rendição nesta quarta-feira (15).

Na segunda (13), Moscou explodiu as pontes que permitiam a saída de civis da cidade, último bastião de Kiev na região de Lugansk, uma das duas províncias do Donbass.

Os russos praticamente cercaram a resistência dos ucranianos, que se negam a se render. Há estimados 10 mil civis ainda presos na cidade, segundo o governo ucraniano.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos