Rússia: "Consequências serão extremadamente graves devido a ataque dos EUA"

Nações Unidas, 7 abr (EFE).- A Rússia denunciou nesta sexta-feira na ONU que o recente ataque dos Estados Unidos na Síria é um "ato de agressão ilegítima" e advertiu das consequências "extremadamente graves" para a estabilidade internacional que podem ter essas ações.

"Trata-se de uma flagrante violação da lei internacional", afirmou o representante russo no Conselho de Segurança, Vladimir Safronkov, em uma reunião de urgência convocada para analisar o conflito sírio.

A ação dos EUA somente pode facilitar o fortalecimento do extremismo", disse Safronkov. EFE