Rússia diz que cumpriu normas da Wada e está aberta a cooperar sobre doping

Ministro dos Esportes da Rússia, Vitaly Mutko, durante evento em Moscou. 08/07/2015 REUTERS/Maxim Shemetov

MOSCOU (Reuters) - O Ministério dos Esportes da Rússia disse nesta terça-feira que está aberto para cooperar com a Agência Mundial Antidoping (Wada) para eliminar quaisquer irregularidades cometidas pela vigilância antidoping russa e o laboratório acreditado do país. Um relatório de uma comissão antidoping da Wada, divulgado na segunda-feira, alegou amplo esquema de corrupção na Rússia, gerando um dos maiores escândalos de doping na história do esporte. O ministério também informou que a política antidoping russa cumpriu rigorosamente com as normas da Wada. A Wada recomendou a exclusão da Rússia de todos os eventos internacionais de atletismo, incluindo os Jogos Olímpicos de 2016 no Rio de Janeiro. "A Rússia esteve e estará totalmente comprometida com a luta contra o doping no esporte", informou o ministério em nota. O ministro dos Esportes da Rússia, Vitaly Mutko, disse que não há evidências para acusações contra a Federação Russa de Atletismo. (Reportagem de Maria Kiselyova)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos