Rússia diz que discussões com EUA falharam em avançar em questão sobre embaixadas

·1 minuto de leitura
Rússia diz que discussões com EUA falharam em avançar em questão sobre embaixadas

MOSCOU (Reuters) - A Rússia e os Estados Unidos não conseguiram avançar nesta terça-feira na resolução de uma disputa sobre o tamanho e o funcionamento de suas embaixadas, e existe o risco de as relações piorarem mais, disse o vice-ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Ryabkov.

Os dois países estão discutindo o número de diplomatas que podem mandar à capital um do outro, embora o governo russo tenha dito que está disposto a suspender as restrições adotadas nos últimos anos.

"Não posso dizer que tenhamos alcançado grande avanço", disse Ryabkov segundo a agência de notícias Interfax após discussões em Moscou com a subsecretária de Estado dos EUA, Victoria Nuland. "Existe o risco de piora das tensões."

Não houve comentário imediato do lado norte-americano.

Na semana passada, o Ministério das Relações Exteriores russo disse que uma proposta do Congresso dos EUA para expulsar 300 diplomatas russos dos Estados Unidos levará, se implementada, ao fechamento das instalações diplomáticas norte-americanas na Rússia.

(Reportagem de Anton Kolodyazhnyy, Alexander Marrow, Gabrielle Tetrault-Farber e Andrey Ostroukh)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos