Rússia e China realizarão exercícios militares conjuntos em meados de agosto, diz Ifax

Militares chineses estendem bandeiras de China e Rússia durante solenidade em Pequim

MOSCOU (Reuters) - Rússia e China conduzirão exercícios militares conjuntos envolvendo 10 mil soldados em meados de agosto, noticiou a agência de notícias russa Interfax citando o Ministério da Defesa da Rússia nesta quinta-feira.

Moscou tem procurado intensificar as relações com a China desde 2014, quando seus laços políticos com o Ocidente chegaram ao ponto mais baixo pós-Guerra Fria com a anexação da Crimeia da Ucrânia.

(Por Polina Ivanova)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos