Rússia estaciona primeiras forças de paz na zona de conflito de Nagorno Karabakh

·1 minuto de leitura
Foto divulgada pelo exército russo de tanques estacionados perto do aeroporto de Yerevan em 10 de novembro de 2020
Foto divulgada pelo exército russo de tanques estacionados perto do aeroporto de Yerevan em 10 de novembro de 2020

O Exército russo anunciou, nesta quarta-feira (11) que suas forças de paz tomaram o controle do corredor de Lachin, cordão umbilical que une a Armênia com a região separatista azeirbajana de Nagorno Karabakh, após o acordo para pôr fim ao conflito firmado com Baku.

"Hoje, as unidades avançadas do contingente das Forças Armadas da Federação Russa assumiram o controle do corredor de Lachin", anunciou o general russo Serguei Rudski, em um comunicado.

Quase 400 dos 1.960 soldados das forças de paz russas que serão mobilizados nos próximos dias chegaram a Armênia.

O acordo assinado por Yerevan, Baku e Moscou estabelece que as forças de paz serão mobilizadas à medida que os militares armênios abandonem os territórios que passarão ao controle do Azerbaijão, que venceu o conflito de seis semanas para reconquistar a região separatista de Nagorno Karabakh e sete distritos limítrofes, que não estavam sob seu controle desde os anos 1990.

Baku retomará o controle dos sete distritos e de uma pequena parte de Nagorno Karabakh. A república autoproclamada, reduzida e enfraquecida, está protegida por soldados russos.

O exército da Rússia será responsável especialmente pela proteção do corredor de Lachin, única via de abastecimento com a Armênia.

A partir de quinta-feira começarão a ser instalados os primeiros postos de observação russos no sul de Nagorno Karabakh.

alf/rco/pz/mar/bl/tt/fp