Rússia estende suspensão de trabalho até 11 de maio para conter pandemia

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O presidente russo, Vladimir Putin, estendeu nesta terça (28) o período de suspensão do trabalho na Rússia até 11 de maio, com o objetivo de conter a disseminação do novo coronavírus.

O relaxamento das medidas de isolamento estava previsto para o final de abril, mas Putin afirmou que o pico de infecções na Rússia ainda não foi atingido.

Putin ordenou ao governo que apresente novas medidas destinadas a apoiar a economia e os cidadãos e que prepare recomendações para diminuir gradualmente as restrições até 5 de maio. Pelo cenário atual, o país pode voltar a reabrir a partir de 12 de maio.

A Rússia é o oitavo país com mais casos de coronavírus no mundo: 93.558, cerca de dez vezes menos do que o primeiro colocados, os Estados Unidos, com quase 1 milhão de registros.