Rússia vê ameaça de nova crise de mísseis como séria, diz vice-ministro

·1 min de leitura
Vice-ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Ryabkov, durante entrevista coletiva em Moscou

MOSCOU (Reuters) - A Rússia considera a ameaça de uma nova crise de mísseis como séria, disse nesta segunda-feira o vice-ministro das Relações Exteriores do país, Sergei Ryabkov, segundo a agência de notícias RIA, em meio a um impasse entre a Rússia e as potências ocidentais sobre a Ucrânia.

Ao longo da crise, a Rússia oscilou entre a retórica dura, os apelos ao diálogo e as terríveis advertências, com Ryabkov comparando repetidamente a situação presente com a crise dos mísseis cubanos de 1962, quando o mundo esteve à beira de uma guerra nuclear.

(Por Anton Kolodyazhyy)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos