Joint-venture da Raízen inaugura lojas de conveniência em SP

·2 minuto de leitura
Uma das unidades Oxxo no México. (Foto: Jeffrey Greenberg/Universal Images Group via Getty Images)
Uma das unidades Oxxo no México. (Foto: Jeffrey Greenberg/Universal Images Group via Getty Images)
  • Raízen vai estrear no setor de mercados de conveniência.

  • Estreia será por meio das lojas OXXO.

  • São Paulo terá 5 mercados.

A Raízen, joint-venture de energia formada entre Shell e Cosan, é conhecida pela atuação nos biocombustíveis. Mas agora vai estrear em outro setor: o das lojas de conveniência.

Leia também:

A novidade é fruto de joint venture da Raízen com a mexicana FEMSA – o Grupo Nós, que é responsável pelo mercado OXXO no Brasil e pelas lojas de conveniência Shell Select. Depois de abrir uma unidade em da OXXO em Campinas, no final de 2020, agora a marca chega a São Paulo com a abertura de cinco lojas, com unidades Itaim Bibi e Cidade Monções já inauguradas e, até o próximo dia 30, inaugurações na Bela Vista, Sé e Vila Mariana.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

O mercado concorrerá com outras marcas como Pão Minuto, Carrefour Express e Hirota. As informações são da revista Veja.

A OXXO é atualmente a maior rede de mercados de proximidade do México. Aqui no Brasil, o sortimento de produtos das lojas será calibrado de acordo com a região, privilegiando por exemplo produtos de limpeza em áreas mais residenciais.

Raízen mira IPO de R$10 bi; maior abertura da história da bolsa brasileira

Investidores envolvidos na abertura de capital da Raízen, joint-venture entre Cosan e Shell, miram um IPO gigantesco. Se as previsões se concretizarem, será a maior abertura da história da bolsa de valores brasileira.

O valor estimado é de R$10 bilhões. Isso colocaria a Raízen com uma avaliação de cerca de R$90 bilhões. As informações são do portal de notícias Suno.

Abertura de capital

O IPO, ou oferta pública inicial de ações, é o momento em que uma empresa lança seus papéis no mercado aberto para que eles possam ser negociados, comprados e vendidos, por investidores individuais e institucionais.

Esse processo ajuda a empresa a se capitalizar e a expandir o seus negócios, além de render altas somas de dinheiro para os acionistas. Segundo a Raízen, o preço dos papéis e a data de lançamento ainda não foram fixados pelo conselho de administração da empresa.

Com os atuais juros baixos, investimentos em renda variável, como ações, têm se tornado uma alternativa atraente para os investidores dispostos a correr mais riscos.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos