Receita da Warner Bros Discovery sobe em primeiro resultado desde a fusão

·1 min de leitura
Logo da Warner Bros em Cannes, França

Por Eva Mathews e Helen Coster

BENGALURU/NOVA YORK (Reuters) - A receita trimestral da Warner Bros Discovery cresceu 13% no primeiro conjunto de resultados da gigante da mídia formada por uma fusão de 43 bilhões de dólares entre a Discovery e os ativos da WarnerMedia da AT&T.

Os resultados não incluem números da WarnerMedia, que abriga as franquias Harry Potter e Batman, canais de TV como a CNN e o serviço de streaming HBO Max.

Nos três meses anteriores ao fechamento da fusão, o total de assinantes pagos de streaming - incluindo os da Discovery + -aumentou 2 milhões em relação ao quarto trimestre de 2021, informou a empresa nesta terça-feira.

Uma recuperação nos gastos com publicidade, a transmissão das Olimpíadas de Inverno de Pequim em fevereiro e os canais de TV da Discovery voltados para estilo de vida, como HGTV e TLC, ajudaram a atrair assinantes no trimestre. No mesmo período, a Netflix registrou o primeiro declínio na base de assinantes em mais de uma década.

A receita total da Warner Bros Discovery aumentou 13%, para 3,16 bilhões de dólares, no primeiro trimestre deste ano na comparação anual.

O lucro líquido disponível à companhia subiu para 456 milhões de dólares, ou 0,69 dólares por ação, de 140 milhões de dólares, ou 0,21 dólares por ação, um ano antes.

(Por Eva Mathews, em Bengaluru, e Helen Coster, em New York)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos