Receitas para afagar a alma e aquecer os corações: uma lista de clássicos da estação

·5 minuto de leitura

Depois de uma semana de temperaturas bem abaixo do comum, e diante da perspectiva de outras três frentes frias para o mês de agosto, reviramos os cardápios da cidade atrás de clássicos invernais de diferentes nacionalidades ora em cartaz. A ideia é compor um inventário de pratos que ajudam a enfrentar o frio e, de quebra, ainda oferecem uma deliciosa experiência à mesa. A lista traz do tradicional bolito misto, cozido italiano que veio para ficar no Gero, à canja de pato com curry do português Gajos D’Oro. São receitas para aquecer a alma e afagar os corações. Confira.Badejo à la cazuela, no Shirley

Os tradicionais guisados espanhóis servidos em caçarolas de barro (ou cazuelas, no idioma local) inspiram este prato no Shirley, casa espanhola com foco nos pescados fundada e comandada por uma família de galegos. Ideal para o inverno, o prato traz o peixe cozido com molho à base de vinho branco, cebola, alho, açafrão, aspargos e pimentão vermelho. Depois de receber batatas noisette para guarnecer, o preparo vai o forno na cazuela e chega fumegante à mesa. Custa R$ 99,80 e serve duas pessoas se a fome nao for muita. Um bom começo se faz com o caldinho de frutos do mar (R$ 15,80).Rua Gustavo Sampaio, 610, Leme - 2275-1398 e 2541-1043. Seg. e de qua. a dom., do meio-dia a meia-noite.Bolito misto, no GeroPrato típico nos almoços de domingo das famílias do Norte da Itália, o bolito misto está de volta ao cardápio do italiano no Hotel Fasano. Servido num elegante carrinho que cruza o salão com carnes de boi, porco e ave, além de legumes, o prato é montado à mesa. O chef Luigi Moressa segue a receita original da família Fasano, composta de cotechino (embutido de pé de porco), músculo e peito de boi, galinha caipira, bochecha de vitelo e língua de boi defumada, mais batata, cenoura, cebola e repolho. Quatro molhos completam o pedido, servido aos domingos, a R$ 165 por pessoa. A casa avisa: desta vez a pedida veio para ficar e seguirá no menu o ano todo, sempre aos domingos.Hotel Fasano: Avenida Vieira Souto, 80, Ipanema – 3202-4000. Seg. a qui., do meio-dia às 15h e das 19h às 23h. Sex. e sáb., do meio-dia às 16h e das 19h à meia-noite. Dom., do meio-dia às 22h.Caldinhos variados, no Le TerroirQuem resiste a um bom caldinho no copo ou na caneca para abrir os trabalhos à mesa? Bar de vinhos convidativo em Botafogo, o Le Terroir aproveitou a temporada de frio e lançou quatro versões para esquentar as noites de inverno atípico na cidade. Polenta cremosa com ragu de cordeiro (R$ 21), vaca atolada, o tradicional (e potente) ensopado de mandioca com costela bovina (R$ 13), abóbora com gorgonzola (R$ 16) e batata-baroa com camarão e pesto de salicórnia (R$ 18) são as sugestões da casa. Escolha um tinto encorpado para acompanhar e mande o frio para o espaço. O uruguaio Montes Toscanini Tannat 2020 (R$ 136) é uma bela dica.Rua Conde de Irajá, 201 Botafogo – Qua., das 17h30 à meia-noite. Qui a sáb., das 17h30 à 01h.Canja de pato e caril, no Gajos D’OuroO endereço de cozinha portuguesa incluiu no cardápio sugestões típicas de inverno. Uma delas traz uma versão lusitana de um clássico da confort food brasileira: a canja de galinha. A receita da casa é feita com pato desfiado no lugar da galinha e, para “aquecer” ainda mais, temperada com curry, ou caril, como os patrícios chamam a misura de temperos que conheceram com os indianos. O prato custa R$ 43. Massas também ganham destaque na estação fria, e aparecem em pedidas como lasanha de bacalhau com queijo da serra, finalizado com alho-poró crocante (R$ 145).Rua Prudente de Morais, 1008, Ipanema – 3449-1546 / 3449-1583 . Horário de funcionamento: Segunda a sábado 12h às 23h. Domingo: 12h às 18h.Cassoulet, no Le VinEnsopado à base de feijão branco e carnes conhecido como a feijoada francesa, o cassoulet é daqueles pratos perfeitos para o inverno e cai como um abraço apertado na primeira colherada. No bistrô com unidades em Ipanema e na Barra, a receita é feita comme il faut (como convém). Leva cortes de porco, além de pato confit desfiado, e, para finalizar, uma chuva de farinha de rosca antes de ir ao forno para gratinar. O pedido custa R$ 66.Rua Barão da Torre, 490, Ipanema – 3502-1002. Todos os dias, do meio-dia às 23h.BarraShopping: Avenida das Américas, 4.666, loja 152, Boulevard Gourmet, Barra – 2431-8898. Todos os dias, do meio-dia às 22h.Rio Design Barra: Avenida das Américas, 7777, 3º piso, Barra – 3269-3730. Dom. a qui., do meio-dia às 22h. Sex. e sáb., do meio-dia às 23h.Feijoada de frutos do mar, no SkunnaEndereço tradicional dedicado aos pescados, a casa garante ter inventado a versão do mar para o mais emblemático dos pratos brasileiros: a feijoada. Preparada com feijão-branco no lugar do preto, a receita leva quantidades generosas de camarão, polvo, lula, mexilhão e cavaquinha (ou lagosta, a depender do que estiver mais fresco no dia). Para duas pessoas, o pedido sai a R$ 178 e ganha a companhia de arroz branco.Estrada dos Bandeirantes, 23.363, Vargem Grande – 2428-1213. Qui., sáb. e dom., das 11h30 às 19h. Sex., das 11h30 às 23h.Sopa de cebola, no La VillaOutra deliciosa contribuição da França para o cardápio de inverno, a soupe à l'oignon é uma sopa feita de cebola caramelizada que recebe fatias de pão e cobertura de queijo antes de ir ao forno para gratinar. Em alguns casos, como na recetia deste bistrô em Botafogo, a pedida leva ainda uma tampa de massa folhada e queijo parmesão (R$ 22). Entre as sugestões para a estação, a casa serve também sua versão do cassoulet (R$ 82), com pato, linguiça e bacon, e, para a sobremesa, kouglof (R$ 49), um bolo típico da Alsácia, flambado no licor de Cointreau e servido com sorvete de pistache.Rua Álvaro Ramos, 408, Botafogo – 2542-2771. Ter. a qui. e dom., do meio-dia às 16h. Sex. e sáb., do meio-dia às 23h.O Rio Gastronomia é uma realização do jornal O GLOBO com apresentação do Senac RJ e do Sesc RJ, patrocínio master do Santander, patrocínio de Naturgy e Stella Artois, apoio do Gosto da Amazônia, Água Pouso Alto e Getnet, e parceria do SindRio.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos