Recomendação para manter 12 semanas de intervalo entre doses

O intervalo entre as doses das vacinas Oxford/AstraZeneca e Pfizer entrou em pauta por todo o país com a chegada da variante Delta do coronavírus. Nesta terça-feira, a Agência Brasil informou que a Sociedade Brasileira de Imunizações e a Sociedade Brasileira de Pediatria se posicionaram contra a redução de 12 para oito semanas do prazo entre doses.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos