Recuperado da Covid-19, Germán Cano desembarca no Rio para ser o novo reforço do Fluminense

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Está cada vez mais perto de a torcida do Fluminense "fazer o L". Isso porque Germán Cano, de 33 anos, desembarcou na madrugada desta quinta-feira no Aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro, para se tornar o mais novo reforço do Fluminense para a temporada de 2022. Ele tem exames médicos marcados para esta manhã e irá ao CT Carlos Castilho para assinar contrato.

Cano desembarcou no Rio por volta de 0h58 (de Brasília), vindo de Buenos Aires, onde estava passando férias. Já era para ele estar na Cidade Mravilhosa, mas a sua chegada foi adiada por ter testado positivo para Covid-19 na semana passada. Ele estava sem sintomas e cumpriu isolamento em casa. Na chegada, falou rapidamente:

— Nos vemos amanhã — disse.

Com a aposentadoria de Fred se aproximando, o Fluminense buscava um nome experiente para o setor. O camisa 9 tem contrato até julho, mas pode ficar dependendo da situação do clube na Libertadores. Outro concorrente é o jovem John Kennedy. Abel Hernández e Raúl Bobadilla não renovaram após o fim do vínculo em dezembro.

Até o momento já foram anunciados pelo Fluminense o volante Felipe Melo, o atacante Willian Bigode, o lateral-esquerdo equatoriano Mario Pineida, o zagueiro David Duarte e o meia Nathan. O lateral-esquerdo Cristiano, do Sheriff, também está próximo de ser contratado.

Além do Tricolor, um clube do Oriente Médio manifestou interesse em Cano, que paralisou as negociações com Laranjeiras por um tempo, mas o atacante enviou uma contraproposta ao Fluminense no último dia 17. Para o atacante, pesou a permanência no Rio de Janeiro, onde mora há dois anos e já está adaptado.

O Vasco também tentou renovar com o atleta, mas as partes não chegaram a um acordo. Em São Januário, Cano marcou 73 gols e deu quatro assistências, tornando-se o segundo estrangeiro com mais gols pelo clube.

Em sua primeira temporada no Vasco, em 2020, foram 24 gols e uma assistência em 51 jogos. Assim, o argentino se tornou o segundo maior artilheiro estrangeiro do cruz-maltino.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos