Rede social de áudio Clubhouse não é mais limitada a convites

·1 minuto de leitura
Clubhouse não é mais limitada a convites

Por Elizabeth Culliford

(Reuters) - O aplicativo de áudio ao vivo Clubhouse removeu seu sistema de acesso apenas por convite para que qualquer pessoa possa aderir à sua plataforma, afirmou a empresa nesta quarta-feira.

A rede social, que viu um crescimento explosivo durante os primeiros meses da pandemia, afirmou que sempre planejou se abrir ao público e que o acesso via convite vinha sendo uma forma de conter os números de usuários.

O Clubhouse enfrenta atualmente uma série de rivais, incluindo as redes sociais gigantes Facebook e Twitter, bem como empresas de streaming de áudio como a Spotify.

A empresa afirmou que adicionou 10 milhões de usuários desde o lançamento da versão do aplicativo para Android em maio.

A companhia, que afirmou que sua equipe cresceu desde janeiro de 8 para 58 pessoas, lançou um recurso para mensagens diretas na semana passada.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos