Referendo sobre lei anti-LGBTQIA+

O primeiro-ministro da Hungria, Viktor Orban, decidiu organizar um referendo para avaliar o apoio da população a uma lei considerada homofóbica pela Comissão Europeia. Ainda nesta quarta-feira, o Vaticano confirmou que o papa Francisco vai se encontrar com o premier ultraconservador durante uma viagem marcada para setembro.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos