Rei Charles cumprimenta público do lado de fora do Palácio de Buckingham

Rei Charles

LONDRES (Reuters) - O rei Charles do Reino Unido apertou a mão de dezenas de pessoas fora do Palácio de Buckingham nesta sexta-feira, enquanto apoiadores emocionados tiravam fotos e cumprimentavam o novo monarca após a morte de sua mãe, a rainha Elizabeth, na quinta-feira.

Charles e a esposa Camilla, a rainha consorte, saíram do carro real do lado de fora dos portões do Palácio de Buckingham em um gesto inesperado ao voltarem do Castelo de Balmoral, na Escócia, onde a rainha morreu, para Londres.

O casal, vestido de preto, foi recebido com aplausos de uma multidão reunida do lado de fora do palácio, mostraram imagens de televisão.

O rei começou a apertar a mão de dezenas de simpatizantes e observar homenagens florais para sua mãe por mais de dez minutos. Várias pessoas cantaram "Deus salve o rei" e uma gritou "Te amo Charles!"

Uma mulher beijou a mão de Charles, enquanto outra se inclinou sobre a barreira de segurança para abraçá-lo e beijar sua bochecha. Vários lhe disseram que sentiam muito por sua perda, e ele agradeceu.

Pessoas reunidas do lado de fora do palácio apontaram suas câmeras de telefone para Charles enquanto ele passava, cercado por seguranças. Um oficial de segurança pediu às pessoas que desligassem seus telefones enquanto o rei se aproximava e simplesmente aproveitassem o momento.

(Reportagem de Kylie MacLellan)