Reino Unido já vacinou 10 milhões de pessoas

·1 minuto de leitura
Trevor Cowlett, 88 anos, recebe a vacina Oxford/AstraZeneca contra a covid-19 no Hospital Churchill, em Oxford

Mais de 10 milhões de pessoas já receberam a primeira dose da vacina contra o coronavírus no Reino Unido, que aposta na vacinação em massa para sair da crise sanitária, segundo dados oficiais publicados nesta quarta-feira (3).

Segundo os dados do ministério da Saúde, foram administradas 10.021.471 primeiras doses desde o início da campanha em 8 de dezembro no Reino Unido, o primeiro país ocidental a começar este processo.

O número de pessoas que receberam as duas doses exigidas chega agora a 498.962.

O primeiro-ministro Boris Johnson comemorou a notícia e apontou em coletiva de imprensa que quase 90% dos maiores de 75 anos recebeu uma dose na Inglaterra, assim como todas as pessoas em lares de idosos.

Cada injeção "nos deixa um pouco mais seguros", afirmou no Twitter o ministro da Saúde, Matt Hancock, se parabenizando por esses primeiros 10 milhões de vacinados, "um passo muito importante no esforço nacional contra este vírus".

O Reino Unido voltou a estar totalmente confinado desde o início de janeiro para enfrentar uma terceira onda de covid-19 atribuída a uma variante muito mais contagiosa.

País mais castigado da Europa pela pandemia, o Reino Unido soma mais de 109.000 mortes nos 28 dias seguintes a um teste positivo do coronavírus.

O governo de Johnson estabeleceu o objetivo de administrar uma primeira dose em todos os maiores de 70 anos, profissionais da saúde e pacientes graves para meados de fevereiro, somando um total de 15 milhões de pessoas.

mpa-acc/jz/aa