Relembre participantes da casa de vidro do 'BBB' que não entraram no reality

Desde a edição de 2009, o "Big Brother Brasil" tem investido num elemento que acrescenta emoção ao programa: a casa de vidro. O cômodo, geralmente, é instalado em um shopping center onde o público observa participantes e escolhe quem entra na casa. Você relembra todas as edições? E os brothers que não conseguiram entrar? Confira abaixo.

"BBB 9"

Dos 18 confinados do "BBB9", quatro tiveram que disputar o passaporte para o reality em uma casa de vidro montada em um shopping no Rio de Janeiro. Participaram dessa disputa Emanuel, Josiane, Maíra Britto e Daniel. A ideia inicial era que apenas um participante fosse escolhido pelo público para participar do programa.

Entretanto, em 21 de janeiro, o Big Boss abriu em votação a possibilidade de que dois participantes entrassem na disputa. O público escolheu Josiane e Emanuel, e Maíra Britto e Daniel ficaram de fora.

Maíra Britto, na época, tinha 25 anos. Ela era fonoaudióloga e morava em Brasília. Depois de não entrar no "BBB 9", Maíra seguiu na profissão e hoje vive discretamente.

Daniel também tinha 25 anos e era empresário em Campo Grande, capital do Mato Grosso do Sul. Hoje, ele tem 39 anos e dois filhos, Maria Fernanda, de 7 anos, e Murilo, de 1. Ele é diretor de arte e publicitário e mora em Ponta Porã.

Um mês depois, outra casa de vidro foi erguida. Dentro dela estavam Maíra Cardi e André Cowboy. Os dois foram submetidos à votação do público, que decidiu que eles poderiam, sim, concorrer ao prêmio de um milhão de reais. Os dois entraram na casa.

"BBB 11"

Neste ano, a casa de vidro surgiu depois de quase um mês de programa. Todos os concorrentes que haviam sido eliminados foram confinados em um grande cômodo com paredes transparentes localizado dentro de um shopping na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. Ariadna, Maurício, Igor, Rodrigo e Michelly ficaram trancafiados durante três dias. Mau Mau foi o escolhido do público. Já os outros se despediram definitivamente do programa.

Ariadna foi a primeira transexual a participar de uma edição do "Big brother Brasil". Ela integrou o elenco do "BBB 11", em 2011, sendo a primeira eliminada da edição. Ela participou do "No limite" e voltou ao Brasil em 2022, mas deixou o país após perder as eleições. Ela concorreu a uma vaga de deputada federal pelo PSB e teve 4.885 votos.

Depois que saiu do "BBB 11", Igor Gramani virou empresário e abriu uma loja de surfe, esporte que ama, em São Paulo. Hoje é publicitário e produtor.

O pernambucano Rodrigo Carvalho hoje é personal trainer especialista em emagrecimento e hipertrofia. Michelly também focou na vida fitness e já disputou vários concursos de fisiculturismo dentro e fora do país. Nas redes sociais, ela mostra sua rotina de treinos.

"BBB 13"

Seis pessoas entraram numa casa de vidro montada no Santana Parque Shopping, em São Paulo, para concorrer a duas vagas no “Big Brother Brasil 13”. O público vai decidir qual será o casal vencedor.

Os concorrentes: o empresário catarinense Bernardo, de 29 anos, a secretária curitibana Kelly, de 26 anos, a modelo paraense Kamilla, de 25 anos, o advogado brasiliense André, de 25 anos, o personal carioca Marcello, de 31 anos, e a vendedora paulistana Samara, de 30 anos. Kamilla e Marcelo foram os escolhidos!

André Coelho já participou de quatro realities diferentes: a segunda temporada do “Are You The One? Brasil”, a primeira temporada do “De Férias com o Ex”, a casa de vidro do “BBB 13” e a quarta temporada do “Power Couple”.

O empresário Bernardo Lima voltou para a vida discreta depois de não entrar na casa do "BBB 13".

Kelly Baron passou pela dinâmica no "BBB 13", mas não conseguiu entrar. Após não ter sido escolhida pelo público para ingressar no reality, Kelly agarrou as oportunidades que surgiram. Entre elas, um convite para o "Big Brother Vip Portugal". Lá, ela conheceu seu marido, Pedro Guedes.

Samara foi outra que não foi escolhida para entrar na casa. Hoje, ela é empreendedora e tem uma loja de óculos na Mooca, onde morava antes de entrar no reality. Ela é mãe de três meninas.

"BBB 14"

A perigeute de "Amor à vida" Valdirene (Tatá Werneck) entrou no “Big Brother Brasil” através da casa de vidro. O cômodo existiu só na ficção, mas a personagem realmente entrou na casa. A participação de Tatá no programa agradou tanto que foi o assunto mais comentado no Twitter no dia. No dia seguinte, ela foi eliminada numa prova. Mas, é claro, já era tudo combinado!

"BBB 20"

No "BBB20", duas mulheres e dois homens anônimos foram confinados na casa de vidro instalada no Via Parque Shopping, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. A modelo mineira Ivy e o gaúcho Daniel Lenhart entraram para o confinamento com os outros brothers. Já Renata e Daniel Caon ficaram só na vontade. Renata é natural de Coxim, interior de Mato Grosso do Sul, e hoje mora na capital do estado. Ela trabalha como professora de Educação Física. Já Caon é um compositor capixada que já assinou músicas de diversos sertanejos famosos. Ele, inclusive, namorou Rafa Kalimann depois de participar da casa de vidro.

"BBB 22"

Os moradores da Casa de Vidro do "BBB 22" eram a influencer Larissa Tomásia e o bacharel em direito Gustavo Marsengo. Desta vez, a disputa era para ver se os dois iriam entrar ou não na casa. O público decidiu que os dois deveriam ter uma chance de entrar no programa.

.

Depois do "BBB 22", Gustavo engatou um namoro com Laís Caldas. Já Larissa Tomásia vai ser musa de carnaval no Rio, na Império Serrano.